Disputa por vaga na Câmara de Campo Grande terá mais de 50 candidatos

Os pré-candidatos às vagas de prefeito, vice-prefeito e vereador nas eleições 2020 tiveram até sábado passado (4), para se filiar a um partido político. Em Campo Grande, os partidos que montaram suas nominatas e filiaram seus pré-candidatos para as eleições proporcionais de outubro foram os seguintes: PT, PCdoB, MDB, PSB, AVANTE e PSC.

PSDB, DEM, PSD, PP, PRB e SD, silgas que tinham e ainda tem mandatos eletivos em atividade, pelo que consta, não formaram suas nominatas ou disputarão cargos ao executivo.

O MDB montou o famoso “chapão" com 03 vereadores, 01 suplente e no mínimo mais 06 pré-candidatos. A silga que contava com o vereador Arnaldo Bezerra e o suplente Vittor Melo, abraçou os vereadores Zé Nilson, ex-PDT e Marilândia Holanda, ex-PRB. De quebra, chegou à legenda, o ex-vice-prefeito, Grimaldo Gondim, ex-PRB.

Metaforicamente, segundo os observadores da principal rua da cidade, “fisgaram o pescador” e 03 pré-candidatos do MDB poderão ser eleitos. Arnaldo Bezerra, Zé Nilson, Marilândia, Vittor Melo, Pedro Miau, Fernando do Salgado, Josivan, Carlinhos Celular, Júnior de Tazinha, entre outros não anunciados ainda, fazem parte da nominata mais forte de todas, deixando os pré-candidatos de mandato à frente dos novatos. 

Quem também formou um chapão foi o PSB do recém filiado Manoel Veras, Prefeito Municipal. Além do Prefeito, desembarcaram na sigla o vice-prefeito Alzay Pimenta, que deverá disputar uma vaga no legislativo, as Vereadoras Luana Priscilla, ex-PSD e Ana Tereza, ex-SD, as ex-vereadoras Branquinha e Dilcineia, o ex-secretário de obras, Felipinho Pimenta, Teté de Mario Veras e Jorge da caiana, completando a nominata Psdbista em Campo Grande. 

O Pc do B de Hildebrando Neres, ficou desfalcado com a saída de Jorge da Caiana. Agora, o partido comunista deverá sair com apenas 04 pré-candidatos, uma vez que a legenda só anunciou uma pré-candidata mulher. Mesmo assim, os nomes postulados são: Hildebrando, Wilas (gari), Francisco Antônio, Rubaneider Rocha, José Wilde e Alcimar Gondim. Para engrossar o caldo, Hildebrando terá que anunciar pelo menos uma nova pré-candidata pelo partido.

O PT deverá sair com no mínimo 06 pré-candidatos, encabeçado pelas vereadoras Lilia Holanda e Luiza vieira, seguidos de Deroci Araújo, Toinho do Morcego, Cida e Carol. Provavelmente a sigla irá lançar mais algum pré-candidato até os registros das candidaturas. 

Recém-criado, o Avante tem o vereador e pré-candidato, Vagner Souza como puxador de votos e os pré-candidatos Matheus Soares, Osineide Oliveira, Anna Ozelita, Seu Riba, Erico Silva (Dobinha) e Edimar Gadelha (Babá do cajueiro). A estratégia de ser pré-candidato por um partido sem tradições locais, irá pôr em cheque a popularidade das ações de Vagner.

O PSC do ex-vereador Jean Vieira, possivelmente terá 07 nomes ao pleito em 2020. Entre os pré-candidatos, destaque para suplente Neta de Babá, Mariana Liberato e Irmã Lúcia. Outros nomes estão à disposição do partido. O planejamento depois da não filiação de Pedro Miau, agora MDB, é de eleger pelo menos um vereador.

O DEM, quem diria, com a saída do Prefeito Manoel Veras do partido, a sigla vai ficar sem representante para disputar uma vaga na casa legislativa. Há quem diga, que ainda dá tempo de sair algum filiado, candidato ao legislativo.

Ao todo, serão 06 partidos e mais de 50 candidatos a vereador. Serão 06 candidatos disputando uma cadeira na câmara municipal e muita indefinição até o dia 04 de outubro.

Fonte: Igor Costa - Território Livre

© WWW.CGNAMIDIA.COM - 2010/2016. Todos os direitos reservados.
desenvolvido por: D'Creative Agência Digital
imagem-logo