Cachoeira da Caripina sangra e chama atenção de visitantes em Felipe Guerra

O adolescente Eduardo estava com a família no município de Mossoró, quando todos souberam que a Cachoeira da Caripina, em Felipe Guerra, no interior do Rio Grande do Norte, havia sangrado. Assim, decidiram visitar o lugar que ainda não conheciam.

A cachoeira sangrou há poucos dias em função das intensas chuvas que ocorreram em janeiro e fevereiro em todo o estado. Esse espetáculo natural, por essa necessidade, acontece apenas em períodos – às vezes anos – com boas chuvas pelo interior. Mas quando ocorre impulsiona o aumento no número de turistas.

“Eu vi nos status de uns amigos meus que moram aqui um vídeo da cachoeira e já gostei bastante. Estava em Mossoró e meus pais tiveram a ideia de vir pra cá e todo mundo gostou muito”, disse Eduardo, que conheceu o local no período do carnaval.

“As belezas naturais de Felipe Guerra são incomparáveis. Temos as cachoeiras, as cavernas, olho d’água. Enfim, temos esse privilégio. Nesse período de inverno, recebemos muitos visitantes aqui”, explicou o secretário de turismo do município, Luiz Agnaldo.

A Cachoeira da Caripina fica na comunidade Sítio Rosado e o acesso não é dos mais simples. O município de Felipe Guerra, localizado na região Oeste do RN, é conhecido pelas belezas naturais, como as cavernas do Crote e Catedral, Cachoeira do Roncador, Gruta dos Três Lagos e Olho D’água das Galegas. O município fica a quase 300 quilômetros de Natal e tem aproximadamente 6 mil habitantes.

Fonte: G1/RN

© WWW.CGNAMIDIA.COM - 2010/2016. Todos os direitos reservados.
desenvolvido por: D'Creative Agência Digital
imagem-logo