Caraubense é morto com uma facada no pescoço pela própria companheira na cidade de Mossoró

Pedreiro foi morto dentro de casa com uma facada na garganta. A acusada é a própria esposa da vítima que foi detida pela polícia. Segundo informações ela sofre problemas psiquiátricos e teria praticado o crime logo após uma confusão, na madrugada de hoje 12 de novembro.

Antônio Alves de Oliveira, de 41 anos de idade, natural de Caraúbas, residia na Rua Patrícia Vieira de Lima, em um Loteamento próximo ao Abolição cinco em Mossoró, no Rio Grande do Norte.

A mulher disse a polícia, que Antônio era usuário de droga e com frequência o casal se envolvia em confusão. Na madrugada de hoje, depois de mais uma briga, ele teria tentado matá-la, com um pedaço de madeira. Ela reagiu e acertou uma cutilada de faca peixeira, bem na região do pescoço.

O Perito Criminal, Joaquim Guimarães, encontrou pedaços de madeira espalhados no meio da residência, que pode ter sido quebrado durante a briga do casal.

Quando aos militares de uma Viatura de Rádio Patrulha chegaram ao local encontraram na roupa da mulher, a faca usada no crime. A acusada apresentava hematomas pelo corpo que ele disse ter sido provocados durante a briga do casal.

Antônio Alves, ainda tentou procurar socorro, mas caiu morto quando tentava sair pela porta dos fundos da casa onde o casal morava há pouco mais de 02 anos.

A família da acusada apresentou a polícia um documento comprovando que ela sofre com problemas psiquiátricos. Ela foi conduzida a Delegacia de Plantão para os esclarecimentos.Antônio Alves de Oliveira, foi a 139ª morte violenta em Mossoró no ano de 2015. No mesmo período em 2011 e 2014, foram mortas 166 pessoas na cidade.
Fonte: O Câmera

© WWW.CGNAMIDIA.COM - 2010/2016. Todos os direitos reservados.
desenvolvido por: D'Creative Agência Digital
imagem-logo