Casal acusado de matar servidor da UFERSA é preso no Alameda dos Cajueiros em Mossoró

Operação da Delegacia Especializada de Homicídios com apoio da 2° Delegacia Regional, Delegacia de Narcóticos e Delegacia de Furtos e Roubos de Mossoró, termina com a prisão de cinco pessoas, entre elas o casal acusado de matar o servidor da Universidade Federal Rural do Semi árido, morto durante um assalto no dia 27 de Dezembro na Ilha de Santa Luzia em Mossoró. Na operação foram presos três homens e duas mulheres.

Segundo informações, após investigação os agentes descobriram duas residências no Bairro Planalto 13 de Maio onde o casal estava escondido, foi realizada uma abordagem nos dois locais, foram presos Antônio Leonardo Cadete Faustino da Silva, 19 anos de idade ex-presidiário e uma adolescente de 15 anos de idade, os dois teriam praticado o assalto que culminou na morte de José Mário Moura Pinto, servidor da Ufersa. Na casa de Leonardo foi encontrado o celular da vitima e as roupas que o mesmo usou no dia do crime, a arma utilizada não foi encontrada. Na operação mais três pessoas foram detidas para averiguação.

Todos os suspeitos foram encaminhados a Delegacia de homicídios onde foram ouvidos pelo Delegado Dr.Valtair Camilo de Paiva. Antônio Leonardo confessou o crime, ele foi autuado por Latrocínio, corrupção de menores e tentativa de latrocínio, a adolescente responderá por Latrocínio e tentativa de latrocínio, ele foi encaminhado a cadeia pública onde permanecerá a disposição da justiça. A adolescente será encaminhada ao Centro Integrado de Atendimento ao Adolescente de Mossoró "Ciad". Os outros detidos foram ouvidos e liberados.

Fonte: O Câmera

© WWW.CGNAMIDIA.COM - 2010/2016. Todos os direitos reservados.
desenvolvido por: D'Creative Agência Digital
imagem-logo