Secretaria de Saúde de Campo Grande emite nota de esclarecimento sobre aúdios equivocados a cerca do trabalho epidemiológico (Covid-19)

NOTA

A Secretaria Municipal de Saúde de Campo Grande – RN, através da Coordenadoria de Vigilância Epidemiológica, vem por meio desta, esclarecer algumas questões acerca dos métodos adotados para casos suspeitos de COVID-19.

Considerando a Lei Federal nº 13.979 de 06 de fevereiro de 2020 Dispõe sobre as medidas para enfrentamento da emergência de saúde pública de importância internacional decorrente do coronavírus e todas as orientações dos órgão competentes, deixamos claro que:

- Pacientes com sintomas suspeitos de COVID-19, devem procurar atendimento inicial em Unidades Básicas de Saúde da rede pública, ou da rede particular. Na triagem, o paciente deve informar os sintomas e ouvirá do profissional responsável pelo atendimento as primeiras orientações e aguardará atendimento médico.

- Este profissional é o que vai definir se o paciente atende aos requisitos de caso suspeito e quem solicitará teste rápido ou exame laboratorial e notificará o paciente.

- Com o resultado do exame, se for positivo, as medidas de controle são intensificadas, aliadas ao tratamento. Durante esse período, o quadro de saúde do paciente é monitorado pelas equipes de Saúde e de Vigilância Epidemiológica. Se o paciente apresentar sinais de gravidade, será encaminhado para atendimento e se necessário, regulado para o Hospital de Referência.

Com isso, queremos deixar claro que, a Secretaria Municipal de Saúde de Campo Grande segue todos os protocolos e orientações do Ministério da Saúde, no enfrentamento da pandemia, desde a triagem, até a conclusão do caso.

Sem mais, agradecemos a atenção e compreensão de todos e pedimos que continuem seguindo as orientações de isolamento social e de higienização.

Edinete Katiuscia Bezerra de Souza
Secretária Municipal de Saúde

© WWW.CGNAMIDIA.COM - 2010/2016. Todos os direitos reservados.
desenvolvido por: D'Creative Agência Digital
imagem-logo