Carro explode quando era abastecido com GNV em posto de combustíveis do RN

O Corpo de Bombeiros Militar do Estado do Rio Grande do Norte (CBMRN) foi acionado neste domingo, 12 de julho de 2020, para atender uma ocorrência de explosão de um veículo em um posto de combustível localizado na Avenida Dr. João Medeiros Filho, no bairro Potengi, Zona Norte de Natal capital Potiguar.

A explosão aconteceu por volta das 11h30min, quando um veículo Gol ficou totalmente destruído após uma explosão enquanto era abastecido com gás natural veícular (GNV). No local da ocorrência foi encontrado um botijão de gás de cozinha (GLP) dividido em pedaços. Já o cilindro de gás GNV para abastecimento do carro permaneceu intacto.

Após a explosão, o dono do automóvel se evadiu do local e os bombeiros prestaram socorro a uma vítima que apresentou apenas escoriações leves devido a estilhaços de vidro causados pelo impacto da explosão.

Presente na ocorrência, o Chefe do Apoio Técnico do Serviço de Atividades Técnicas do CBMRN, Capitão Daniel Gleidson, relatou o caso e alertou sobre o uso do Gás Natural Veicular. "Para a utilização do GNV é necessário um cilindro certificado pelo Inmetro, que suporta uma pressão de 220bar, recomendada pela Agência Nacional de Petróleo (ANP).

Tudo leva a crer que havia uma alteração no sistema de gás onde um cilindro de GLP, tipo P13, dos utilizados em cozinha, foi acoplado clandestinamente. Este tipo de cilindro suporta uma pressão de apenas 8bar aproximadamente” disse. O Corpo de Bombeiros Militar do RN alerta a população que não adapte botijão de gás de cozinha (GLP) como recipiente de combustível nos automóveis, já que os botijões fabricados para armazenamento de GLP em uso residencial têm outra finalidade e suportam pressão bem menor.
Fonte: Grande Ponto

© WWW.CGNAMIDIA.COM - 2010/2016. Todos os direitos reservados.
desenvolvido por: D'Creative Agência Digital
imagem-logo