Antes de morrer, jovem de 20 anos baleado em assalto no RN disse que 'devia ter entregado a moto'

"Era para eu ter entregado essa moto". Essas foram algumas das últimas palavras do jovem Paulo Victor de Brito, de 20 anos, antes de morrer, na noite desta segunda-feira (10), em Macaíba, na Grande Natal. O relato é da companheira dele, a estudante Weslaine Carvalho. Para a família, não há dúvidas de que o homem foi morto após reagir a um assalto. Essa é a principal linha de investigação da Polícia Civil.

Segundo Weslaine, o companheiro sempre dizia que não entregaria a motocicleta em um possível assalto. "Ele dizia: 'foi com meu suor e com o suor da minha mãe, eu não entrego minha moto a vagabundo nenhum'. Só que antes de ele morrer ele me disse 'era para eu ter entregado essa moto'. Então não tem nenhum dúvida que era um assalto", conta ela.

"Tirou a vida do meu filho, tirou minha vida", disse a mãe do jovem, Maria da Conceição de Brito. Segundo a família, o jovem era apaixonado por motos e participava de grupo de motociclistas.

Fonte: G1RN

© WWW.CGNAMIDIA.COM - 2010/2016. Todos os direitos reservados.
desenvolvido por: D'Creative Agência Digital
imagem-logo