Renan, Monthalgan, Gineton e Marcone são nomes à sucessão em Upanema

A sucessão municipal ainda é no ano que vem, mas os nomes cotados para disputar o cargo de prefeito já estão sendo jogados no tabuleiro político de Upanema.

Pelo menos quatro nomes, dois de cada corrente política, são lembrados nas conversas em torno da sucessão do prefeito Luiz Jairo.

A situação praticamente já bateu o martelo em torno do nome do jovem advogado Renan Mendonça. Sobrinho do prefeito Luiz Jairo e atual secretário municipal de Governo e Patrimônio, Renan já circula com desenvoltura no meio político.

Mas ele não é o único nome da situação que pretende disputar o cargo de prefeito. O presidente da Câmara Municipal e importante aliado político do prefeito Luiz Jairo, Monthalgan Fernandes, também não esconde esse desejo.

O vereador sabe que Renan partiu na frente, mas conta com uma mudança de cenário para ser o candidato da situação e já descarta disputar a Prefeitura de Upanema contra Luiz Jairo.

Pelos lados da oposição, também há dois nomes: o vereador Gineton Costa e o empresário Marcone Messias. Ex-aliado, Gineton se tornou um dos principais opositores ao governo Luiz Jairo e já declarou aos correligionários que pretende ser candidato a prefeito em 2020.

O empresário Marcone Messias é um bacural de carteirinha e estaria sendo incentivado por outros colegas empresários da cidade. Durante o último carnaval de Upanema, ele botou as unhas de fora e fez desfilar vários carros com o já tradicional adesivo “ele vem aí”.

Fonte: Portal do Oeste

© WWW.CGNAMIDIA.COM - 2010/2016. Todos os direitos reservados.
desenvolvido por: D'Creative Agência Digital
imagem-logo