Servidores cobram salário atrasado da Prefeitura Municipal de Janduís

Um dia após a Câmara Municipal de Janduís, por sete votos, aprovar a contratação direta de 97 (noventa e sete) servidores temporários pelo Poder Executivo, alguns funcionários estão inconformados por não terem recebido até o momento o mês de dezembro.
O conselheiro tutelar José Raimundo Cabral utilizou uma rede social para cobrar explicação a administração municipal do atraso em seu pagamento. Os profissionais da educação que fazem parte dos 60% do FUNDEB - Ensino Fundamental também ainda não receberam.

Segundo alguns servidores, permanece em atraso o pagamento do 13% salário de quem recebe pelo Banco Bradesco, o qual deveria ter sido creditado até o dia 20 de dezembro do ano passado.

Enquanto em Messias Targino a prefeita Shirley entrega obras à população e adota medidas de contenção de despesas de gasto com pessoal, em Campo Grande o prefeito Manoel Veras faz a mesma coisa, o gestor de Janduís não honra com a obrigação elementar que é pagar o salário dos servidores, pede carta branca para contratar mais, sem pagar sequer os efetivos.

Fonte: A VOZ de Janduís

© WWW.CGNAMIDIA.COM - 2010/2016. Todos os direitos reservados.
desenvolvido por: D'Creative Agência Digital
imagem-logo