Jovem encontrada morta com corte no pescoço em Messias Targino pode ter sido assassinada, diz delegado

Janaína Soares da Silva, de 18 anos, natural de Caraúbas, foi achada morta nesta segunda-feira (5) dentro de casa, em Messias Targino.
Janaína Soares da Silva tinha 18 anos — Foto: Arquivo pessoal

Uma jovem de 18 anos, identificada como Janaína Soares da Silva, foi encontrada morta na tarde desta segunda-feira (5) dentro de casa, em Messias Targino, município da região Oeste potiguar. Para a Polícia Civil, apesar de o caso ter sido tratado inicialmente como suicídio, a possibilidade de a moça ter sido assassinada não está descartada.

O caso está sendo investigado pela Delegacia de Polícia Civil de Patu. Em contato com o G1, o delegado Paulo Nilo explicou que a jovem tinha um corte profundo no pescoço, mas próximo ao corpo dela não foram encontrados objetos capazes de causar o ferimento. “Estamos aguardando os laudos da perícia. Somente após a conclusão dos exames é que poderemos ter convicção”, ressaltou.

O corpo de Janaína já foi examinado pela equipe do Instituto Técnico-Científico de Perícia (Itep), mas o delegado afirmou que ainda aguarda a resultado.

Paulo Nilo também confirmou que Janaína ficou viúva e perdeu o pai em agosto do ano passado. “O marido e o pai morreram em um confronto com a PM, após um assalto aqui na região”, revelou.

Atualmente, ainda de acordo com o delegado, a jovem estava envolvida em outro relacionamento. Este atual companheiro, que morava com a jovem, ainda será ouvido, acrescentou o delegado Sandro Reges, que auxilia as investigações.

Fonte: G1RN

© WWW.CGNAMIDIA.COM - 2010/2016. Todos os direitos reservados.
desenvolvido por: D'Creative Agência Digital
imagem-logo