Delegacia instaura inquérito e ouve familiares sobre morte de estudante em Apodi

A Delegacia de Polícia Civil de Apodi já instaurou o inquérito que vai apurar as causas da morte da estudante Karla Eduarda de Oliveira Paiva, de 11 anos, ocorrida na noite de quinta-feira (05) na cidade de Apodi/RN.

Karla Eduarda foi encontrada morta pela família dentro de casa. A principal suspeita é que ela tenha se sufocado acidentalmente nos punhos de uma rede, uma vez que ela costumava brincar se enrolando neles.

De acordo com o chefe de investigação José Luiz, o pai e uma tia da garota já foram ouvidos. No depoimento, eles contaram que tinham saído para ir ao supermercado e deixado a menina sozinha em casa.

Ao chegar e encontra-lá desacordada, eles ainda a socorreram ao hospital, mas ela já estava morta. A perícia do ITEP apontou que a estudante morreu por asfixia mecânica, quando há a interrupção do ar atmosférico até as vias respiratórias, em decorrência do aperto no pescoço.

O corpo da garota foi velado e sepultado na tarde desta sexta-feira (06) em Apodi. Devido a forma como foi morta, amigos, parentes e curiosos lotaram a rua onde ela morava.

As investigações deverão continuar na próxima segunda-feira (09).

Karla Eduarda estudava o 6º ano na Escola Municipal Professora Lourdes Mota.

Fonte: Mossoró Hoje

© WWW.CGNAMIDIA.COM - 2010/2016. Todos os direitos reservados.
desenvolvido por: D'Creative Agência Digital
imagem-logo