Taxista tem a língua cortada por criminosos durante assalto em Mossoró

O taxista Gláuber César Bessa Campelo, de 33 anos, foi ferido durante um assalto na tarde desta sexta-feira (04), em uma estrada carroçável às margens da BR-304, em Mossoró. O assalto aconteceu nas proximidades da antiga fábrica da Porcellanatti, na região Oeste da cidade. Ele foi torturado e teve a língua cortada durante o assalto.

Segundo informações, os suspeitos entraram no veículo, renderam o taxista e o levaram até a estrada carroçável, que fica por trás da fábrica de cerâmica desativada. Lá, eles anunciaram o assalto e torturaram a vítima. O taxista teve a língua cortada pelos criminosos, que fugiram com o veículo.

Ferido, o taxista pediu socorro em um posto da Polícia Rodoviária Federal (PRF). Ele foi atendido e levado por uma equipe do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) ao Hospital Regional Tarcísio Maia (HRTM), onde passou por procedimento cirúrgico. Segundo informações da unidade hospitalar, o caso dele não é grave.

Viaturas da Polícia Militar (PM) foram acionadas para o local indicado pela vítima, na tentativa de localizar o veículo, mas até o fechamento desta matéria, o Ciosp não confirmou se o carro havia ou não sido encontrado.

Fonte: Mossoró Hoje

© WWW.CGNAMIDIA.COM - 2010/2016. Todos os direitos reservados.
desenvolvido por: D'Creative Agência Digital
imagem-logo