Prefeitura de Campo Grande superou em 2015 os percentuais mínimos de investimentos em saúde e educação previstos em lei

O município de Campo Grande/RN investiu 28,14% de seu orçamento em educação e 20,69% em saúde no ano passado. Esses índices são de 3,14% a mais para a educação e 5,69% acima para a saúde, de acordo com o que determina a lei complementar 141, de 2012, que obriga os municípios a aplicarem ao menos 15% dos recursos no setor de saúde. Com relação a educação o percentual mínimo a ser investido deve ser de 25%. A informação foi dada pelo prefeito Bibi de Nenca e os dados repassados pelo contador da PMCG, Luiz Gonzaga de Azevedo Junior.

Com isso a atual gestão municipal demonstra que todos os investimentos em saúde e educação foram realizados de acordo com o que norteia a lei, sendo que esses investimentos foram executados com planejamento e transparência.
Segundo a secretária municipal de Saúde, Edinete Katiuscia, apesar da exigência legal, a Administração Cuidando de Você, trabalha para proporcionar um serviço de qualidade na área da saúde para todos os cidadãos locais, por isso investe mais do que o exigido por lei. “Como a Prefeitura preza pela qualidade do serviço em saúde, os investimentos para o custeio de serviços essenciais como a UBS, o Postinho e o Hospital Municipal são consideráveis, sem se falar nas transferências diárias de pacientes que necessitam de atendimento médico de média e alta complexidade, como realização de exames e cirurgias, em outros centros do nosso Estado, como Alexandria, Mossoró e Natal. Para nós o que mais importa é a saúde e a qualidade de vida da população campograndense”, garantiu a secretária.

Para o prefeito Bibi de Nenca, todos têm o direito de receberem serviços de educação e de saúde com qualidade, totalmente ao alcance da população comum toda. “A Prefeitura de Campo Grande, apesar da crise que assombra o nosso país, e que vêm atingindo em cheio os municípios, não têm medido esforços para que esses percentuais continuem sendo alcançados e até superados como aconteceu, melhorando dessa forma os serviços essências a nossa população, seja na cidade ou na zona rural”, ressaltou Bibi de Nenca.

Fonte: Site da PMCG

© WWW.CGNAMIDIA.COM - 2010/2016. Todos os direitos reservados.
desenvolvido por: D'Creative Agência Digital
imagem-logo