Salário mínimo aumenta mais não anima os Brasileiros

O salário mínimo aumentou R$ 92, mas os brasileiros não parecem estar animados com a mudança. O valor passa de R$ 788 para R$ 880, o que equivale a um reajuste de 11,6%. Para o Governo Federal, o aumento vai impactar cerca de 40 milhões de brasileiros, entre trabalhadores e aposentados.

"De nada adianta aumentar o salário, se as outras coisas também sofrem reajustes", diz um morador de Palmas.

A mudança tem como base a inflação, que afeta os preços de tudo o que está à venda no comércio. A taxa média de aumento foi medida por meio do Índice Nacional dos Preços ao Consumidor (INPC), que no acumulado dos últimos 12 meses foi de 10,97%.

Fazendo as contas dá para perceber que o aumento do salário foi um pouco maior, mas para o trabalhador, não houve grande vantagem.

"Se o salário subisse e as coisas ficassem sem subir, era bom, mas a inflação 'come' ele. Não adianta o salário subir", reclama outro morador da capital.

O aumento vai injetar cerca de R$ 57 bilhões na economia e no bolso de famílias como a auxiliar de serviços gerais, Roneide Ferreira. Ela tem três filhos e um já está trabalhando. Mas como a maioria das pessoas entrevistadas, ela não achou que o aumento foi grande coisa, uma vez que o dinheiro já tem destino definido.

Baseado em Informações do G1

© WWW.CGNAMIDIA.COM - 2010/2016. Todos os direitos reservados.
desenvolvido por: D'Creative Agência Digital
imagem-logo