Policial do GTO que trabalhou em Campo Grande morre durante treinamento de mergulho na barragem Armando Ribeiro Gonçalves em Itajá

O policial militar Erimário Santos, do Grupo Tático de Operações de Assu, morreu afogado na barragem Armando Ribeiro Gonçalves, em Itajá, na manhã desta segunda-feira (28), enquanto participava de um treinamento de flutuabilidade com um amigo.

Erimário tinha 31 anos e estava há 9 anos na corporação. Ele deixa esposa e dois filhos pequenos.

De acordo com a Central de Operações da PM de Assu (COPOM), o policial se afogou no momento em que fazia uma travessia a nado, de uma área de cerca de 100 metros de largura.

O outro policial, que estava fazendo o treinamento com ele, ainda tentou ajudar, mas não conseguiu. Erimário ficou submerso por vários minutos, até ter o corpo ser resgatado por pescadores.

O helicóptero da Secretaria de Segurança do RN foi acionado, mas retornou após localizarem o cadáver. O Corpo de Bombeiros de Mossoró também foi chamado, mas segundo o COPOM, os militares alegaram não possuírem equipamentos adequados e, se quer saíram da base.

O corpo do PM aguarda a chegada do ITEP, que fará a remoção para exames na sede regional do órgão em Mossoró.

Fonte: Mossoró Hoje

© WWW.CGNAMIDIA.COM - 2010/2016. Todos os direitos reservados.
desenvolvido por: D'Creative Agência Digital
imagem-logo