Governo lança concurso público com 1.400 vagas para professores

O edital que torna público a realização de concurso público para 1,4 mil vagas de Professor e Especialista em Educação, para nomeação imediata e formação de cadastro de reserva no quadro de pessoal da Secretaria de Estado da Educação e da Cultura (SEEC) foi divulgado nesta sexta-feira, 30, no Diário Oficial do Estado (DOE), disponível em http://www.diariooficial.rn.gov.br..

De acordo com a SEEC, as oportunidades são para, além de especialista em Educação, professor das seguintes disciplinas: Arte; Arte – Música; Ciências Biológicas; Educação Física; Filosofia; Física; Geografia; História; Língua Espanhola; Língua Inglesa; Língua Portuguesa; Matemática; Pedagogia - Anos Iniciais; Libras- Ed. Especial- intérprete/tradutor; Libras- Ed. Especial- professor; Pedagogia - Ed. Especial; Química; Ensino Religioso; e Sociologia.

O concurso será realizado sob a responsabilidade do Instituto de Desenvolvimento Educacional, Cultural e Assistencial Nacional (Idecan) e consistirá de duas etapas: provas objetivas de múltipla escolha de caráter eliminatório e classificatório; e avaliação de títulos de caráter apenas classificatório.

As inscrições poderão ser realizadas via internet a partir das 14h do dia 9 de novembro até às 23h59min do dia 7 de dezembro de 2015, no site www.idecan.org.br; ou presencialmente. As inscrições presenciais serão realizadas nas centrais de atendimento aos candidatos do Idecan, a serem instaladas nas cidades de Natal, Mossoró e Caicó, em endereços que serão divulgados por meio de comunicado até o início das inscrições, no período entre 9 de novembro e 7 de dezembro de 2015, das 8 às 17h. A taxa será de R$65,00.

As provas serão realizadas simultaneamente nas cidades de: Natal, Parnamirim, Nova Cruz, São Paulo do Potengi, Ceará-Mirim, Macau, Santa Cruz, Angicos, Currais Novos, Caicó, Assu, Mossoró, Apodi, Umarizal, Pau dos Ferros e João Câmara, com data prevista para o dia 10 de janeiro de 2016.

A seleção dos candidatos constará de pontuação obtida nas provas e na avaliação de títulos. O prazo de validade desse concurso será de dois anos, podendo ser prorrogado por igual período.

Fonte: Jornal de Fato

© WWW.CGNAMIDIA.COM - 2010/2016. Todos os direitos reservados.
desenvolvido por: D'Creative Agência Digital
imagem-logo