Morcego Bar e Restaurante, o melhor ambiente de Campo Grande

No município de Campo Grande (que antigamente se chamava Augusto Severo),  distante aproximadamente 270 quilômetros de Natal, onde havia terra  queimada do sol e pedras em brasa, agora há a convivência das turmas que se juntam para degustar uma das riquezas da culinária local, o tucunaré à beira do açude.
O peixe é servido pela família do pequeno empresário Antônio Gondim Sobrinho, 49 anos, que mantém há 13 anos um restaurante no açude do Morcego, um dos principais reservatórios da cidade. O tucunaré é apanhado pela colônia de pescadores e servido depois de ir à brasa. Algumas partes são deliciosamente crocantes. Acompanham o feijão vermelho, batata, farofa, arroz e vinagrete.
Antônio trabalha com a esposa, Irenice da Costa Belarmino, e outros familiares. Segundo ele, a seca vinha atrapalhando os negócios. Sem água, menos peixes e menos renda. As chuvas trouxeram não só a fartura necessária para manter a demanda, mas também a empolgação de clientes que visitam o restaurante atraídos pela notícia das cheias.

a Revista DEGUSTE foi até o Açude do Morcego documentar a riqueza culinária escondida pela seca e que agora brota com a renovação da água dos mananciais da região. Para registrar a viagem, o fotógrafo Canindé Soares.
O restaurante do Morcego também serve buchada, picado de carneiro, guizado, paçoca, galinha caipira, entre outras iguarias do interior. É um lugar aberto, amplo, com o visual adequado para quem procura a simplicidade das boas coisas da vida.
  
Morcego Bar e Restaurante

Açude do Morcego

Campo Grande-RN

Telefone: (84) 9616-0735

Abre de terça-feira a domingo, para almoço

Não abre para o jantar

© WWW.CGNAMIDIA.COM - 2010/2016. Todos os direitos reservados.
desenvolvido por: D'Creative Agência Digital
imagem-logo